Orégano: muito mais que um tempero para pizza!


O orégano ou orégão (Origanum vulgare) é uma erva perene e aromática, muito utilizada na cozinha do Mediterrâneo e também para fazer alguns medicamentos antigamente. São utilizadas as suas folhas, frescas ou secas, pelo sabor e aroma que dão aos pratos. Considera-se que as folhas secas tem melhor sabor. O orégano é um condimento mais conhecido como uma folha repartida, várias folhas dele são picotadas para darem aroma e sabor. 

🌿 Propriedades: Sedativo, antiespasmódica, béquica, carminativa, antirreumáticas.

🌿 Indicações: Combate a tosse, as doenças do pulmão, as dores musculares; Afecções estomacais: indigestão, gases, cólicas, enjoo; cefaleias e queixas nervosas; Afecções respiratórias, dores articulares e musculares; Dor de dente; Repelente de formigas; antibacteriana, fungicida, antioxidante; Agente estrogênico. 

🌿 Modo de usar: Infusão de uma colher de sopa em uma xícara de chá de água. Tomar 2 a 3 xícaras ao dia. É um condimento aromatizante, pode ser usado em armários e gavetas para perfumar e repelir insetos.


🌿 PLANTIO: O solo para cultivo do orégano deve ser bem drenado e de preferência fértil. Mas vale lembrar que o orégano pode crescer também em solos pobres. Quanto ao pH do solo, a planta é bastante tolerante mas o recomendável é que o pH esteja entre 6 e 8. Solo calcário faz com que a planta cresça melhor. Em relação ao clima, a planta se desenvolve melhor em clima ameno ou moderadamente quente. A alta luminosidade faz-se muito importante para o cultivo e a planta deve receber luz solar direta por algumas horas diárias. Quanto mais luz solar receber, mais aromáticas suas folhas serão. O solo deve ser mantido levemente úmido, por isso, irrigue com frequência. Quando as plantas estiverem bem desenvolvidas, não há problema se o solo secar por um curto período entre o espaçamento de regas. Tanto a falta quanto o excesso de água prejudicam o desenvolvimento do orégano. O plantio pode ser realizado no local definitivo da horta, ou em sementeiras, vasos ou copinhos feitos de papel jornal. Neste último, as mudas são transplantadas quando tem 4 pares de folhas definitivas.


Nenhum comentário:




Tecnologia do Blogger.